Controlando seu estado de hidratação com o diagrama W.U.T.

Alta temperatura e baixa umidade. O uso da máscara durante as sessões de treino ao ar livre (aqui no Rio de Janeiro é obrigatório) aumenta a temperatura na região do rosto coberta – nariz e boca – que é altamente vascularizada. Esse aumento de temperatura localizado, pode provocar um aumento da sudorese, ocasionando uma perdaContinuar lendo “Controlando seu estado de hidratação com o diagrama W.U.T.”

Modelos de treinamento intervalado

Em 1999, a fisiologista e professora Veronique Billat publicou um estudo no qual, em apenas quatro semanas, conseguiu obter um incremento do Limiar de Lactato, do VO2max e da economia de #corrida através da proposição de um programa semanal de treinamento de 6 dias com quatro sessões leves, uma de vVO2max e uma de LimiarContinuar lendo “Modelos de treinamento intervalado”

Correr é para todos. Maratona não!

Segundo St. Pierre, em um corredor que tem um pace médio entre 3:45 e 2:30 min/km, a sua cadência pode variar entre 190 e 210 ppm. Já segundo Lieberman, dependendo de como o pé aterriza no solo a cada passo (antepé ou retropé), a força de reação do solo (FRS) pode variar entre 1,5 aContinuar lendo “Correr é para todos. Maratona não!”

Re.si.li.ên.ci.a

Substantivo feminino. Do latim resilientĭa, resilīre (saltar para trás, recusar vivamente). Capacidade de resistência de um material ao choque que é medida pela energia necessária para produzir fratura em um material com dimensões determinadas. Energia potencial acumulada por unidade de volume em uma substância elástica, quando deformada. Capacidade de defesa e recuperação perante fatores ou condições adversas. MinhaContinuar lendo “Re.si.li.ên.ci.a”

Percepção Subjetiva de Esforço

A Percepção Subjetiva de Esforço – PSE, tem como objetivo medir a intensidade do esforço realizado no exercício atribuindo valores quantitativos baseados no ritmo e na profundidade da Frequência Ventilatória – FV ou “Frequência Respiratória”, bem como na Capacidade de Verbalizar – CV durante o estímulo ou logo após o mesmo. Essa metodologia fornece umContinuar lendo “Percepção Subjetiva de Esforço”

Velocidade X Cadência

Para que sua performance na corrida evolua devemos levar em conta dois fatores primários: a melhora da sua condição física e o aprimoramento da sua técnica e da sua postura enquanto corre. Deixando de lado os métodos e estratégias para melhora da condição física, focaremos na técnica e na postura de corrida. Muito se falaContinuar lendo “Velocidade X Cadência”

Minha primeira prova de trailrunning

Escolhi debutar no trailrunning participando dos 50km do XC Itaipava categoria solo. Estudei muito sobre como é a elaboração de um programa de treinamento voltado para ultra distâncias e corridas de montanha, e, junto com a minha nutricionista, definimos um plano alimentar e a estratégia de hidratação e suplementação para o período preparatório e paraContinuar lendo “Minha primeira prova de trailrunning”

+7.805m

7.805m. Essa é a diferença entre a distância de uma maratona para a distância da primeira ultra que pretendo participar. A partir de hoje você terá a oportunidade de acompanhar minhas sessões de treino e tudo o que me aflige na preparação final para os 50km da XC Itaipava. DIA 01: Treino: 2X 5km progressivoContinuar lendo “+7.805m”

Experiência dos 10k

Depoimento de Andressa Oriza No dia 08 de março de 2016 eu completei mais um ano de vida. Naquela semana, eu percebi que estava completando mais um ano de cigarro, mais um ano de vida noturna intensa, mais um ano de sedentarismo e mais um ano de descaso com a minha saúde. Eu me sentia muitoContinuar lendo “Experiência dos 10k”

Faça a escolha certa

Existem tênis de corrida para todos os gostos, tipos de piso e de passada. A escolha do seu tênis deve ser feita com uma análise criteriosa e os pontos a serem levados em conta estão bem distantes do que é preconizado pelos fabricantes em geral. O American College of Sports Medicine publicou em 2014 um guiaContinuar lendo “Faça a escolha certa”